sexta-feira, 25 de novembro de 2016

E lá estas tu, as voltas na minha cabeça


"(...) Se eu te dissesse tudo aquilo que eu sinto
Tudo aquilo que eu finjo, tudo aquilo que eu tento
Mas queres espaço, não precisas de mim
Só precisas de ti, só precisas de tempo
Tu és o meu ponto forte, eu sou o teu ponto fraco
Eu pus os pontos nos I's, puseste os pontos de parte
Não te estou a pressionar, sei que nada é para sempre
Mas desculpa ter pensado que contigo era diferente
Agora fica a indiferença, fica só na consciência
Que foi nas linhas do teu corpo que eu escrevi a minha essência
Vais-me procurar nos outros sei que tens essa tendência
E tu insistes neste tempo e para eu ter paciência
E eu espero e desespero sem que nada aconteça
A escrever e a apagar poemas sem que mereças
E lá estas tu, as voltas na minha cabeça, 
porque há algo em mim que diz que não queres que eu te esqueça (...)"


Via-me contigo daqui a 1, 2, 10 anos.
Via-me nos teus braços, a rir como há muito não faço.
Via-nos a conversar, sem silêncios constrangedores.
Via-me a mudar de vida e estar contigo pareceu-me o meu "é agora".
Via-nos com filhos, com a nossa casa e a nossa cumplicidade.
Via-nos juntos, sonhei com isso tanto tempo e agora fiquei outra vez sem ti.
Sinto-me estúpida porque não consigo não gostar de ti, porque continuo com este sentimento bem vivo mesmo sem saber nada de ti e sem te procurar.
Claro que não te procuro! Posso ser estúpida por gostar de ti mas não sou assim tão estúpida para andar a correr atrás.
Só me arrependo de ter deixado despertar este sentimento outra vez. Estava adormecido e com ele assim consegui abstrair-me de ti. Agora está a custar-me imenso. Eu quero e preciso de encerrar esta história mas não é nada fácil.
Porque via-me contigo...
Porque ando nesta merda há 6 anos e continuo sempre a ver-me contigo.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos temos os nossos dias, as nossas opiniões, as nossas afinidades. Felizmente nem todos gostamos do mesmo.

Aceitam-se elogios. Aceitam-se críticas construtivas.

Dispenso insultos e estupidez gratuita.

Welcome stranger ;)