segunda-feira, 19 de março de 2012

Dia do Pai

O meu Pai é um homem como os outros. Tem qualidades. Tem defeitos. Ama a família. Comete erros. Resmunga. Grita. Tem mau-feitio. Ri com as coisas mais parvas. É um excelente contador de histórias. Tem sempre opinião sobre os mais diversos assuntos. Escuta-me sempre com atenção. Gosta da minha Mãe, embora nem sempre o consiga demonstrar. Preocupa-se com o meu irmão. É uma pessoa correcta. Tem os seus valores bem definidos. É um Homem de ideias. É sonhador. É criativo. Gosta de contar anedotas. Não tolera falta de educação. Gosta de crianças. Preocupa-se imenso com os mais velhos. Cuidou da minha Avó Noémia até aos últimos dias da sua vida e desde os seus 13 anos [nunca reclamou]. Sente a fala do meu Avô Zé e chora sempre que falamos dele. Gosta que eu me recorde dos seus pais. É filho único. Penso que por vezes se sente órfão num Mundo injusto. Como todos os Pais, para mim é o melhor e não trocava por nada.


Feliz Dia do Pai


Que saudades que tenho de brincar contigo. De dormir contigo quando estava doente. De me leres histórias para adormecer. De me preparares o leite logo pela manhã. De me levares à escola. De me ralhares. De fazeres os TPC comigo.
Obrigada por quereres saber sempre o que faço no trabalho. De me ouvires sempre como se a tua vida dependesse disso. Por estares sempre aí quando preciso.

Gosto muito de ti!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Todos temos os nossos dias, as nossas opiniões, as nossas afinidades. Felizmente nem todos gostamos do mesmo.

Aceitam-se elogios. Aceitam-se críticas construtivas.

Dispenso insultos e estupidez gratuita.

Welcome stranger ;)