Mensagens

A mostrar mensagens de Março, 2013

Valores#1

Imagem

Vale Tudo!!

Imagem
Solto gargalhadas. Fico com a respiração irregular. Sinto-me mesmo satisfeita e de bom-humor.
Parouuuu, vou ver o VALE TUDO!!!





Rita e as fardas!

Imagem
Ontem fui sair à noite com um amigo meu. Aquele típico rapaz muito giro e que parece um "chamariz" de mulheres mas que para mim nunca passou de um amigo.  A primeira paragem foi no café, para bebermos um cafezito e fazermos tempo para sairmos. Entrou o M.. Estava de serviço (acho que ainda não tinha dito que ele é GNR, pois não?) e fardado, pelo que disse apenas boa noite e pouco mais. À saída chegou a boca ao meu ouvido e disse: "Estás tão bonita hoje, espero que não te tenhas produzido toda para esse gajo!". E afastou-se, com aquele sorriso delicioso que me faz tremer os joelhos.
Estou lixada, não estou?

Distante mas não afastada!

Sei que não tenho aqui vindo mas tenho andado numa correria doida para chegar a todo o lado e as vezes que consigo vir à net correspondem às raras vezes que consigo vir à biblioteca.
Pois bem, se ainda alguém por aqui anda, apraz-me dar algumas novidades:
1ª) A minha antiga orientadora da tese convidou-me para trabalhar com ela. Local: Laboratório!!! Começo em Abril ;)
2ª) Deixei-me das explicações! Não é que das duas miúdas a quem dava aulas, nenhuma me pagou? Janeiro e Fevereiro, uma delas 70h de explicação e nenhum retorno!! Compreendo que a vida esteja complicada mas também está para mim.
3ª) Vou voltar a Lisboa!!! Que saudades da azáfama, da correria, da rotina... de trabalhar!
4ª) Lembram-se do João? Passou de vez à história!!
Sabem quando tenho certeza de que sou saudavelmente parva? Quando tenho sonhos como o de hoje, que me fez acordar a rir à gargalhada! Sonhei que o meu pai estava a usar a minha escova do cabelo para coçar o rabo!! Acham normal?! Bom, já nos rimos todos à…

O outro#2

E eis que ontem estou num café, a beber uma água e a devorar um livro, e sinto uma respiração no meu pescoço.
"Ficas sexy de óculos, sabias?"
Ai homem, dás comigo em maluca! Borboletas. Vergonha. Incapacidade de respostas prontas e incisivas. Porra pah, outra vez não!