terça-feira, 24 de abril de 2012

"Todo o homem tem um cabrão dentro de si!"



Esta constatação é de uma grande amiga minha, defensora acérrima de que os homens são todos iguais. Baseando a sua teoria nas experiências que foi tendo com os homens, chegou às seguintes conclusões:

- São incapazes de praticar a monogamia.
- Pensam 24h por dia em sexo.
- Preferem ver futebol a qualquer outro programa com a namorada.
- São preguiçosos e egoístas.
- São todos cabrões e os que não o são, são gays.

Digam-me lá o que faço com tanta estupidez junta, por favor! Porque não concordo com todas as teorias dela. Há homens bons. Não são excepções. As pessoas são todas diferentes. Conheço tantas mulheres que também têm "um cabrão dentro de si" (não no sentido literal da expressão) e que se adequam a esta descrição.  Para mim, não é o sexo que dita a tendência. É a pessoa e a sua identidade.

Mas, claro está, também conheço os típicos malandros. Calhou-me um "na rifa" em tempos. Fiquei com a cabeça bem enfeitada e o coração destroçado. Mas daí a achar que os homens são todos iguais, não entremos em exageros. 

O meu irmão, por exemplo. Sempre o conheci com namoradas, nunca foi de curtes de circunstância. Nesse aspecto sou bem mais cabra do que ele. Os namoros dele são sempre longos e sérios. Acho que só numa ocasião, o "cabrão dentro dele" despertou. A besta foi acordada por uma traição. É a 3ª Lei de Newton: para toda uma acção, há uma reacção.

"O Homem é bom, a sociedade é que o corrompe"

Não acho que seja tão taxativo quanto isso mas acho que há pessoas genuinamente boas, cujas circunstâncias da vida os leva a agir menos bem. Mas isso não faz delas más pessoas.
 São apenas humanos. E todos diferentes.



2 comentários:

  1. Todo o homem e toda a mulher. :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, acho precisamente o mesmo! ;) Ninguém é perfeito! ahahah

      Eliminar

Todos temos os nossos dias, as nossas opiniões, as nossas afinidades. Felizmente nem todos gostamos do mesmo.

Aceitam-se elogios. Aceitam-se críticas construtivas.

Dispenso insultos e estupidez gratuita.

Welcome stranger ;)