segunda-feira, 9 de julho de 2012

Mistério resolvido!

O João fez mal no meu dia de anos, é um facto. Fiquei triste com a atitude dele, é um facto. Ele veio falar comigo na 6ª, coisa que eu sabia que ia acontecer. 

Então o que se passou para ele ter saído sem avisar? Pelos vistos uma das minhas amigas foi dizer-lhe umas verdades. Que ele tinha de tomar uma atitude, que tinha de decidir-se, que isto não era nada. Pediu-lhe justificações e fez-lhe exigências, coisa que eu não faço. 

Claro que estou agradecida a essa minha amiga por tentar zelar por mim.
Claro que não gosto que se intrometam nos meus assuntos quando não os partilho. Para mais, esta minha amiga não sabe de grande coisa, não atura os meus problemas com o João, não me vê sofrer (até porque não sofro com isto) portanto não tinha nada que ter ido meter-se na história.
E o João não gostou. Porque não se dá muito com ela e porque ela fê-lo no meio do bar, perto de outras pessoas. 

Se isso desculpa o silêncio do João? Não, não é uma justificação para ele ter "fugido" da minha festa e muito menos para ter deixado de atender os meus telefonemas. Mas ao menos agora sei que não fiz nada de errado. Aliás, já o sabia, mas pelo menos tenho certeza que não fui eu o problema!

Se esta constatação resolve os nossos problemas e a nossa falta de diálogo? Nem por sombras!
Se houve alterações nesta "relação"? Também não!
Se me contento com este pouco ou nada? Claro que não!
Mas gosto dele e ainda não me apetece desistir!







Ps: A tua Mãe lembrou-se dos meus anos, Luís. (Tenho tantas saudades tuas)


4 comentários:

  1. Tens que ver as intenções dele.
    Para mim, os actos dizem sempre muito.
    Os homens são mais frios que nós, mas há limites.

    Só tu o conheces, só tu sabes.

    beijoca.,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro, como costumo dizer, cada história tem 3 versões: a minha, a dele e a verdadeira. Óbvio que ele tem defeitos e virtudes, como todos nós e óbvio que eu também não sou uma pessoa fácil ;)

      As intenções deles são como as minhas, estarmos juntos enquanto pudermos e sermos felizes! O resto, "isso agora não interessa nada" =P

      Eliminar
  2. Pelo menos agora já sabes o porquê da atitude menos boa dele,e como já sabias não eras tu a culpada,e ele não tinha razão alguma para ir embora ou deixar de atender os teus telefonemas.Esclarecer as coisas não mudou a vossa relação mas se gostas dele que estejam juntos quando der,o depois pouco interessa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, acho que vou aproveitar enquanto der... quando acabar, é seguir em frente e esquecer. Já passei por pior e "o que não nos mata, torna-nos mais fortes!".

      Eliminar

Todos temos os nossos dias, as nossas opiniões, as nossas afinidades. Felizmente nem todos gostamos do mesmo.

Aceitam-se elogios. Aceitam-se críticas construtivas.

Dispenso insultos e estupidez gratuita.

Welcome stranger ;)