Ainda gosto de ti

Por muito que saiba que acabou, sorrio ao recordar tudo o que vivemos juntos. Os risos, os abraços, as mãos, os beijos, as conversas, os silêncios.
Nunca te esqueças que contigo levaste um pouco de mim e que comigo deixaste um pouco de ti.
Esta história (que será sempre nossa) fez-me feliz e foi eterna enquanto durou.
Sim, ainda gosto de ti.


Ainda sinto a tua presença, o sabor dos teus beijos, o quente dos teus braços.
Ainda sinto a tua falta.
Sim, ainda gosto de ti.


Comentários

Mensagens populares deste blogue

A tua irmã*

Dos rumores

Desabafo