terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Do que poucos sabem e do que ninguém quer saber

Já ouviram falar no Rio Doce? O Rio Doce é um rio, como o nome indica, situado na região sudeste do Brasil. Banha a região de Minas Gerais e Espírito Santo....
.

Era assim. Um corpo hídrico aparentemente limpo e extremamente rico enquanto ecossistema terreste.
Mas nós, Humanos, nunca estamos satisfeitos com o que temos. E quando queremos mais, nem sempre o fazemos da melhor forma.

Já ouviram falar de Albufeiras e Barragens, certo?
Aproveitamento da energia hídrica.
Eu sou Engenheira do Ambiente. Apoio as energias renováveis e tudo o que seja maioritariamente sustentável. Mas com conta, peso e medida.


Foto aérea mostra o Rio Doce inundado com lama após o rompimento de barragens da mineradora Samarco, cujos donos são a Vale e a australiana BHP, em uma área onde o rio se une ao mar na costa do Espírito Santo (Foto: Ricardo Moraes/Reuters)

O Rio Doce está assim!
Aliás, está bem pior que esta imagem.


Animais morrem com chegada da lama (Foto: Carlos Dório Costa/ Arquivo Pessoal)


Os peixes e todos os seres-vivos têm morrido devido às lamas tóxicas que têm contaminado o Rio Doce. Lamas estas que resultaram de uma Albufeira mal planeada, de um mau trabalho de Engenharia.

Morreram pessoas com a derrocada. Muitas pessoas.

Este caso tem sido bastante "abafado" na Europa.

Aqui não houve #prayforBrasil ou #PrayforMinas

Porque não queremos saber do que é importante?
Sinto-me tão revoltada!!

3 comentários:

  1. Não precisas de ir ao Brasil. Na nossa costa, o que não faltam são exemplos de más engenharias que estão a destruir muitas praias (por exemplo, zona de ovar!)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Falei no Brasil pela catástrofe de dimensões fora do normal que está a ocorrer e que afectará bem mais que o Brasil. Onde metemos a mão, destruímos. Essa é a verdade!

      Eliminar
  2. Quando as pessoas perceberem que não há viagens, nem compras, nem futilidades sem oxigénio é que acordam!

    ResponderEliminar

Todos temos os nossos dias, as nossas opiniões, as nossas afinidades. Felizmente nem todos gostamos do mesmo.

Aceitam-se elogios. Aceitam-se críticas construtivas.

Dispenso insultos e estupidez gratuita.

Welcome stranger ;)