Do dia do PAI

O dia do Pai. Tenho um Paizão daqueles que está sempre comigo, sempre disponível, sempre orgulhoso e feliz com o meu percurso. Que se tornou um AVÔ espectacular e que é dedicado e mimoso. 
Falo com o meu Pai todos os dias. Todos! Não por obrigação mas porque estou habituada a partilhar o que aconteceu no meu dia com ele. E quando não há muito a dizer, acabamos por dizer parvoíces. Será um Pai assim que um dia quererei ter para os meus filhos.

O Avô ontem estava animado. Ficou tão entusiasmado por ser dia do Pai. E acabou por estar a falar comigo sobre a Rita, a neta preferida, sem no entanto saber que eu sou ela. Foi interessante saber o amor que me tem, assim sem cobranças e vindo coração. A olhar para uma foto minha de quando era menina e dizer que não há loirinha mais bonita que eu. Dá-me cabo do coração com tanto amor.


Por último mas não menos importante, o dia do Paizão em que se tornou o meu irmão. Um Paizão para a menina dos seus olhos. Tenho tanto orgulho nele!!

Um dia se tiver filhos, quero que vivam rodeados deste amor com que pauto a minha vida!

AMOR!


Comentários

Mensagens populares deste blogue

A tua irmã*

Desabafo

Dos rumores